domingo, 17 novembro 2019

N Notícias

Santa Catarina do Fogo: Celebrado contrato para construção da sede de AGTCC

 A Câmara Municipal de Santa Catarina do Fogo celebrou, segunda-feira, com a Monte Madjer Construção Civil, o contrato de empreitada para a construção do posto de informação e sede da Associação de Guias Turísticos de Chã das Caldeiras.

O projecto, socializado em finais de Julho, consiste na construção de um posto de informação que funcionará durante o dia, espaço para formação, escritório e para celebração de eventos culturais, formação e fórum, incluindo redes de água e de electricidade.

Esta infra-estrutura está orçada em cerca de seis mil contos e é financiada pelo Fundo do Turismo, Câmara de Santa Catarina, organização não-governamental italiana COSPE e pela própria associação, segundo o presidente da câmara de Santa Catarina, Alberto Nunes.

A empresa, segundo o contrato de empreitada tem um prazo de três meses para edificar o projecto, localizado na Portela, Chã das Caldeiras, após a consignação da obra, que deverá acontecer nas próximas semanas, devendo a infra-estrutura ficar funcional até meados de Fevereiro de 2020.

Com a construção do posto de informação e da sede, a associação, através do seu presidente Alcindo Montrond espera passar a trabalhar de forma mais organizada, evitando que cada guia trabalhe por si só, de forma desigual, mas também a concorrência desleal de pessoas que passam por guias, cobrando às vezes valor diferenciado.

Após a construção do posto de informação turística de Chã das Caldeiras, o ponto mais turístico da ilha, o município de Santa Catarina passa a contar com três infra-estruturas do género, com abertura de mais um posto em Achada Furna e outro na comunidade de Roçadas.

Inforpress/Fim

Comments powered by CComment

Agenda/Eventos

No events

Diáspora

Crónicas

Carta do Leitor

Guia Turístico

Inquérito

Nothing found!

logo fogoportal white

Um espaço privilegiado de convívio, de diálogo, de divulgação de opiniões acerca de tudo o que tem a ver com a Ilha do Fogo; um canal de ligação e de “mata sodadi” de todos os foguenses espalhados pelo mundo fora e que se preocupam com o desenvolvimento do seu torrão natal. (Editorial)