terça-feira, 25 janeiro 2022

D Desporto

Governo vai subsidiar clubes e associações através do Programa Alargado de Retoma Desportiva

O Governo vai subsidiar financeiramente os clubes e as associações desportivas através do Programa Alargado de Retoma Desportiva Nacional, conforme publicado no boletim oficial nº-126, I Série de 27 de Dezembro.

Em conferência de imprensa hoje, na Cidade da Praia, o presidente do Instituto do Desporto e da Juventude (IDJ), Frederic Mbassa, esclareceu que este programa, cuja candidatura deve ser submetida de 03 a 31 de Janeiro de 2022, vai permitir aos clubes e às associações cobrirem as suas despesas “essenciais e prementes” para continuarem a retoma desportiva.

“Nós sabemos do valor que o desporto tem e dos seus impactos a nível da saúde e nos agentes económicos, pelo que o IDJ, por orientação do Governo criou este programa, que vai ser direccionado aos clubes e associações formalmente constituídos”, indicou.

Frederic Mbassa informou que o acesso a este programa é feito através de uma plataforma electrónica na qual os clubes e as associações têm de apresentar os estatutos, ter situação fiscal regularizada, estarem inscritos nas associações regionais e confirmados pelas federações e possuírem uma conta bancária.

“O processo passa por uma fase de inscrição na página do IDJ e pelo crivo da direcção da instituição e será comunicada aos clubes, às associações e às modalidades desportivas individuais”, precisou Frederic Mbassa, sublinhando que este programa vai estar sempre “alinhado” com as federações desportivas.

“É um programa único tendo em conta o momento que vivemos e sabendo do papel que o público tem na promoção do desenvolvimento desportivo em Cabo Verde”, observou o presidente do IDJ, informando que o valor do subsídio nunca será inferior a dois mil escudos por atleta e numa proporção nunca superior a 20 atletas.

“Às associações regionais desportivas de modalidades individuais será de 15 por cento (%) em relação ao contrato programa assinado com a federação desportiva”, acrescentou.

O referido programa é destinado aos clubes formalmente constituídos, inscritos nas competições oficiais das associações regionais e desportivas para a época desportiva 2021/2022, filiadas nas federações cabo-verdianas de modalidades colectivas detentoras de utilidade pública, com sede no país.

É igualmente às associações regionais desportivas e modalidades individuais, com um subsídio não reembolsável, e que não retomaram as actividades desportivas na época 2020/2021.

Inforpress/Fim

Comments powered by CComment

Agenda/Eventos

No events

Diáspora

Crónicas

Carta do Leitor

Guia Turístico

Inquérito

Nothing found!

logo fogoportal white

Um espaço privilegiado de convívio, de diálogo, de divulgação de opiniões acerca de tudo o que tem a ver com a Ilha do Fogo; um canal de ligação e de “mata sodadi” de todos os foguenses espalhados pelo mundo fora e que se preocupam com o desenvolvimento do seu torrão natal. (Editorial)