17-11-2018

C Cultura

Ilha do Fogo acolhe em 2019 a III edição do Festival de Morabeza

O ministro da Cultura e das Indústrias Criativas anunciou hoje que a cidade de São Felipe, na ilha do Fogo será o próximo palco a acolher a III edição do Festival de Morabeza, em 2019.

Depois de a Cidade da Praia ter acolhido em 2017 a I edição deste festival literário, estando a cidade do Mindelo, em São Vicente, a preparar para receber nos dias 19 a 28 de Outubro a II edição, Abraão Vicente declarou esta quarta-feira que a ilha do Fogo será a próxima anfitriã.

“Devo anunciar que está decidida que 2019 será realizada o Morabeza na ilha do Fogo, na cidade de São Felipe”, anunciou.

Segundo o governante, a II edição que arranca esta sexta-feira, 19, para além de ser um festival literário, vai ser um momento de debate onde se vai discutir a actual situação do mundo.

“Temos intelectuais como Miguel Sousa Tavares, temos o Lazaro Ramos que vem do outro lado do Brasil, onde vamos ter no final do mês uma eleição polémica e temos várias figuras nacionais. Se se reparar pelo cartaz temos os grandes nomes da literatura nacional, o presidente da académia cabo-verdiana de letras e temos representações femininas com a Shauna Barbosa”, avançou.

Abraão Vicente garante que vai ser uma semana preenchida em que ainda haverá livros à venda a preços acessíveis para toda a população.

A II edição da “Morabeza – Festa do Livro”, que se realiza de 19 a 28, no Mindelo, vai apostar em formações em torno da literatura para editores, investigadores, divulgadores culturais e outros profissionais que operam na área.

Da programação constam ainda uma acção formativa, mais duas outras oficinas, entre elas a “Mediação literária — case study: Plano Municipal de Leitura, no dia 23, a cargo do gestor e consultor editorial, Paulo Ferreira, e do jornalista Tito Couto.

Por último, está programada para o dia 25 uma formação de editores, sob a responsabilidade do gestor cultural Duarte Azinheira.

Nesta edição da Morabeza estarão persentes os escritores Germano Almeida, Miguel Sousa Tavares, Vera Duarte, Dina Salústio e de Moacyr Rodrigues, para além do Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, na qualidade de escritor.

O evento, promovido pelo Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, faz parte do plano de investimentos para o programa Promoção Nacional das Artes para 2017/2021, e apresenta o projecto de um festival literário para Cabo Verde “capaz de unir” África, Europa, Ásia Lusófona e América Latina.

Inforpress/Fim

Comments fornecido por CComment

Agenda/Eventos

No events

Diáspora

Crónicas

Carta do Leitor

Guia Turístico

Inquérito

Nothing found!

logo fogoportal white

Um espaço privilegiado de convívio, de diálogo, de divulgação de opiniões acerca de tudo o que tem a ver com a Ilha do Fogo; um canal de ligação e de “mata sodadi” de todos os foguenses espalhados pelo mundo fora e que se preocupam com o desenvolvimento do seu torrão natal. (Editorial)